Veterinário diz que vira-lata salvou menino

Cão da família teve ferimentos leves; a criança nada sofreu.

Caso aconteceu domingo, em Hortolândia, no interior de SP.

Juliana CardilliDo G1, em Hortolândia

 

Dominique Torquato/AAN

Salsicha teve cortes superficiais no pescoço e o garoto nada sofreu (Foto: Dominique Torquato/AAN )

Um cachorro vira-lata salvou um menino de 5 anos do ataque de um pit bull em Hortolândia, a 100 km de São Paulo. A criança escapou sem ferimentos, e o cão da família, chamado Salsicha, teve cortes superficiais no pescoço. 

O caso aconteceu domingo (7), na frente da casa onde mora o menino Iago Soares de Almeida, no Jardim Amanda. Segundo o médico veterinário Paulo José Mancuso, do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da cidade, o pai do menino foi ao local com o vira-lata para receber atendimento no domingo à noite. Como não havia atendimento veterinário no local, ele foi encaminhado a uma clínica onde o serviço pudesse ser fornecido. 

 “Como nenhuma pessoa ficou ferida, o caso não foi registrado aqui no CZZ, pois não houve problema de saúde pública”, afirmou Mancuso. “O pai nos procurou para pedir atendimento veterinário e não para uma medida sanitária”.

 

No domingo, a fotógrafa Dominique Torquato, da Agência Anhangüera, fotografou Iago com o vira-lata Salsicha.

De acordo com o veterinário, a equipe do CZZ tentou entrar em contato com o dono do pit bull, que mora na mesma rua da criança. Entretanto, até esta quarta-feira (10) eles não haviam tido sucesso. “Fomos até a casa, mas não tinha ninguém. Hoje vamos passar lá de novo”, afirmou. 

O veterinário também contou que o dono pit bull disse ao pai da criança que o cachorro é manso e queria atacar o vira-lata, e não o menino. Segundo Mancuso, cães da raça pitbull podem ter problemas de convivência com animais de outras raças. 

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL917844-5605,00-VETERINARIO+DIZ+QUE+VIRALATA+SALVOU+MENINO+DE+PIT+BULL.html?id=newsletter