Emergência CETAS-RJ – crime contra a fauna

De: Ana Cristina <anacrisr>
Data: 22 de agosto de 2013 07:43
Assunto: Fw: Emergência CETAS-RJ – crime contra a fauna

Bom dia a todos.
Todos sabemos que nossa fauna silvestre vem sofrendo, por parte dos órgãos ambientais oficiais, um verdadeiro massacre. São normas absurdas que são aprovadas e agora a situação do CETAS-RJ mostra, com clareza, quais as intenções do mal intencionado IBAMA. Leiam, abaixo, um resumo do que nos foi enviado pelo chefe do Centro, o biólogo Daniel Neves, e vejam como poderiam colaborar, não só com a divulgação dos fatos como estabelecendo contatos que possam ajudar a evitar o crime contra nossos silvestres.
A página do Facebook mencionada abaixo já está no ar. O link é https://www.facebook.com/pages/SOS-Cetas-Rj/371852746275702?fref=ts

Ele reconhece que há muito tempo a estrutura do CETAS-RJ vem ficando cada vez mais precária. O centro vem funcionando graças ao amor e sacrifício que seus funcionários têm pelos animais. E essa precariedade faz com que muitos animais morram ou deixem de retornar à natureza por falta de condições.

No final de julho, um incêndio em um dos prédios deixou a situação ainda mais precária. Agora eles não têm luz suficiente na clínica para poder atender os animais doentes.

A alimentação de 2013 só começou a ser fornecida em julho. E em janeiro de 2014 ficarão sem comida novamente.

Agora, para piorar ainda mais, a diretora de Uso Sustentável da Biodiversidade e Florestas, Hanry Alves Coelho, decidiu que eles não precisam mais de 10 tratadores se revezando em turnos de 12 horas (5 e 5) e vão demitir 6. Assim, o Centro ficará somente com 4 tratadores se revezando nos turnos. Também deverá ser demitido o funcionário de manutenção. Todos esses profissionais são terceirizados através de licitação.

Essa redução drástica no quadro de funcionários inviabilizará o trabalho.

Para piorar ainda mais, o contrato desses funcionários teria que ser renovado no dia 31 de julho. Como o dinheiro não tinha sido liberado, a saída foi estender, emergencialmente, o atual até 31 de outubro. Para poderem continuar a partir de novembro, só com nova licitação. Só que não há tempo hábil para uma licitação e manter os funcionários.

O Daniel explicou que o fato da profissão de tratador de animais silvestres não ser reconhecida no Brasil torna difícil a tomada de preço e a elaboração de edital de licitação. E a atual empresa que fornece esses funcionários já se manifestou dizendo que não tem interesse em continuar devido à grande redução do efetivo.

Em resumo, as demissões começam em setembro e a partir de 1 de novembro o CETAS-RJ ESTARÁ SEM NENHUM TRATADOR. Por isso temos que tentar fazer a maior pressão possível, junto à mídia e nas redes sociais.

Enquanto não mandam dinheiro para cuidar dos animais silvestres, o IBAMA esbanja em luxos e conforto para os burocratas de Brasília. Abaixo, as contratações de serviços e produtos feitas pelo órgão, disponíveis no portal de transparência.

Amigos, temos que forçar muito pela imprensa? Alguém tem bons contatos nos grandes veículos? Se a gente consegue tornar isso o mais público possível, ajudará bastante.

Administrativamente, o Daniel já tomou todas as providências cabíveis. Agora, ele pretende:

"1- Denuncia a procuradora do Ministério Público Federal, Dra. Gisele Porto.

2- Denuncia a juíza federal que sentenciou o IBAMA a reformar o CETAS.

3- Campanha no Facebook através dos estudantes da UFRRJ, com criação da página S.O.S. CETAS-RJ

4- Campanha entre meus amigos estrangeiros para que encaminhem emails ou usem o Facebook para pedir a seus conterrâneos que escrevam para os responsáveis pelo IBAMA ( imaginem o presidente do IBAMA recebendo emails de protesto em alemão, ingles, italiano…)

5- Trabalho junto ao diretório acadêmico da UFRRJ para promover manifestações no CETAS e na superintendência do IBAMA-RJ.

6- Contatos com amigo que trabalha junto a ONGs fortes na proteção animal

7- Estou pedindo ajuda ao conselho de Veterinária para se manifestarem."

Vamos tentar ajudá-lo e principalmente, tentar impedir mais essa insanidade do IBAMA.
A AnimaVida já contatou os conselhos dos quais faz parte: Rebio Tinguá, Rebio Araras e Mosaico da Mata Atlântica Central Fluminense. Também já informou ao Forum Nacional de Proteção Animal e o assunto será levado a Brasília, para a Câmara de Deputados, na próxima semana. Pena que por falta de recursos não poderemos estar juntos com esse grupo, mas acompanharemos o andamento dessas negociações. Também já falamos com a Universidade Rural, localizada também em Seropédica, onde fica o CETAS. Parceiros nossos vão levar o caso para o Conselho Federal e Regional de Biologia.

Quem tiver bons contatos na imprensa, por favor, encaminhe o caso. Podem dar nossa referência que encaminharemos para o chefe do CETAS que está desesperado vendo diversos animais morrer diariamente sem que possa fazer nada. A Bandeirantes já fez matéria no início dessa semana. Eles mostram o descaso de nossas autoridades ambientais com os animais silvestres.
http://www.ogritodobicho.com/2013/08/socorro-para-os-animais-tutelados-pelo.htmls

Abaixo as contratações para supérfluos. Dêem uma olhada.
Abraço,
Ana Cristina
AnimaVida
Tel: (24) 2222.2085

Modalidade:Pregão

Situação:ATIVO

Detalhes do Contrato

Órgão Superior: MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE
Órgão Subordinado: INST.BRAS.DO MEIO AMB.E DOS REC.NAT.RENOVAV.
Unidade Gestora: IBAMA – COORDENACAO-GERAL DE FINANCAS – CGFIN – 193099

About the author: Irmão Animal

Leave a Reply