395956_166809543432479_100003103028064_262116_697201576_n

Como Cuidar de um filhote recém nascido?

(***Foto: filhote rejeitado pela mãe, lutando pela vida!)

Amigos e Amigas,

Uma dúvida muito comum e preocupante é como cuidar de um filhote recém nascido  rejeitado ou órfão. Ultimamente temos recebido muitas mensagens pedindo ajuda para cuidar de bebês resgatados ainda nas primeiras horas de vida ou rejeitados pela mãe.
As perguntas mais frequentes nesses casos são:

– O bichinho não consegue fazer as necessidades fisiológicas sozinho, como devo estimular?
– Posso alimentá-lo com leite de vaca? Se não, qual o melhor alimento para esses casos?
– Já resgatei outros bebês e nenhum deles vingou. Não quero que aconteça de novo, o que devo fazer?
– O filhotinho chora mesmo depois de mamar, acho que ele sente falta da mãe ou está com frio. Como mantê-lo aquecido?
Para responder essas e outras quetões, convidamos a Dra. Veterinária Thaís Andressa H. Arrebola. Gentilmente ela forneceu dicas e orientou, de uma maneira simples e descontraída, sobre como devemos proceder nesses casos. Confira:

Vamos lá, vou tentar explicar o que você deve fazer diante dessa situação. Realmente é um pouco complicado, mas não é impossível!

  1. A primeira coisa a fazer é abrir a boquinha do filhote e olhar o “céu da boca” dele, para ver se ele não tem o pálato fendido (uma má-formação genética que faz com que haja ligação com o “caminho” que vai pro estômago e pro pulmão… aí o filhote tem pneumonia por aspiração das coisas que ele toma e morre.).  Se tiver vai precisar de uma super manutenção, cuidados e depois que crescer um pouco, é necessário ver se há a possibilidade de fazer cirurgia pra reparar isso. Ou então, eutanasiar pra aliviar a dor do bichinho.
  2. O leite não pode ser de vaca, porque pode provocar diarréia.
  3. Você sabe se ele mamou ou conseguiu fazer ele mamar pelo menos um pouco na mamãe? Se não conseguiu, tem como tentar de novo? É muito importante que ele adquira essa imunidade. Isso vai ajudar a protegê-lo contra doenças infecciosas como a parvovirose ou cinomose e ele tem somente umas 30 horas até parar de absorver essa imunidade através do leite materno.
  4. Pra alimentá-lo, tem o leite comercial que se chama “Pet Milk“. Você deve dar 20ml do leite por dia a cada 100g de filhote (a diluição geralmente está indicada na própria embalagem).
    Tem também um leite que você pode fazer em casa. A receita é:


    LEITE PARA FILHOTES (enviada pela amiga Juliana Marques)
    1 copo de leite de vaca(200ml)
    1 colher de sopa de leite condensado
    1 colher de sopa de creme de leite
    1 pitadinha de sal
    1 gema
    5 a 10 gotas de polivitaminico(Protovit)
    ferver o leite com a gema, leite condensado e a pitadinha de sal
    Após retirar do fogo, adicione o creme de leite e o polivitaminico. Mexa bem
    Nota: Este leite é para filhotes abandonados e que não têm o leite materno.

    SUCEDÂNEO PARA CÃES E GATOS
    200 ml de leite em pó integral (Ninho, Glória, etc.)
    1 gema de ovo
    1 pitada de sal
    1 colher das de chá de óleo vegetal
    1 colher das de chá de mel ou dextrosol
    10 gotas de Kalyamon B12 ou Ostelin B12 (compra em farmácia humana) -(pd ser vita gold ou glicopan tbm)
    * acrescentar 2 colheres das de sopa de água (no caso de cães)

    – Guardar a 4oC ou congelar.
    -Aquecer a 37 graus na hora de utilizar.
    Já existem no comércio mamadeiras especiais para facilitar as mamadas.

    SUCEDÂNEO PARA FILHOTES

    Quantidade diária requerida (ml)

Idade (dias)

% do peso corpóreo

3

20

7

25

14

30

21

40

Por exemplo: se o filhote tem 100g, vc vai dar 20ml por dia pra ele (aos 3 dias). Se aos 7 dias ele estiver com 200g, daí vc vai ter q dar 50ml e assim por diante…

Após a 3a semana de vida oferecer o leite artificial à vontade.

Após o desmame, deve-se, gradualmente, fornecer alimentação sólida, no mínimo 3 vezes ao dia.

Após o primeiro ano de vida o animal deve receber pelo menos 2 refeições sólidas diárias.

Essa receita deve ser oferecida pro filhote morninha, na temperatura do seu corpo (faça aquele teste de colocar uma gotinha no dorso da mão e sentir a temperatura, igual ao que se faz com os bebês humanos ^^) e a cada 3-4 horas, ou seja, umas 6 a 7 vezes por dia, inclusive durante a madrugada.

Para estimular as FEZES e URINA você tem que pegar um algodão e molhar com água morninha, simulando a língua da mamãe. Faça uma massagem de leve na barriguinha, na genital e no bumbum, senão ele não faz nada. Faça isso sempre após as refeições e depois dê uma secadinha nele pra não ficar molhadinho. Ele precisa que permanecer sequinho pra não sentir frio.

Para ajudar a aquecê-lo, algumas pessoas indicam a esquentar aguá e colocar em uma garrafa Pet. Essa garrafa tem que ser colocada junto dele enrolada numa cobertinha. Se colocar sem nada pode queimar ele. Mas você tem que ficar de olho nessa garrafa, porque quando ela esfriar, ele pode morrer de frio. Bolsas/recipientes emborrachados funcionam melhor. Um bom lugar pra deixar ele, seria perto de um fogão que estivesse assando um bolo ou qualquer outra coisa, deixando o bebê a 1 metro de distância mais ou menos. Ou então, colocar ele perto de um abajur aceso com cobertinha. Perto, mas nem tanto… com a luz a uns 40cm de distância do filhote. Bichinhos de pelúcia podem ajudar a suprir a falta da mãe.

Se for feito tudo certinho, é bem provável que as chances do seu bebê sobreviver sejam bem altas!

Qualquer dúvida ou mudança de comportamento do filhote consulte um veterinário pessoalmente.

Texto adaptado da Thaís Andressa H. Arrebola – Médica Veterinária
CRMV/PR – 8140

http://querumbicho.blogspot.com/2010/02/como-cuidar-de-um-filhote-recem-nascido.html

Uma outra ótima dica recebida também por clinica veterinária através do facebook:

Fácil de fazer, barato e com ótimos resultados.

About the author: Irmão Animal

Leave a Reply